Planeje sua viagem para a Costa Rica: tudo o que você precisa saber

Viagem para a Costa Rica
Parque Nacional Manuel Antonio

Amantes da natureza estão cada vez mais de olho na Costa Rica. Certamente, isso acontece porque o país possui uma biodiversidade enorme. Dentro da Costa Rica existem doze zonas climáticas e de vidas distintas. Estas zonas fornecem habitat para quase 4% das espécies da Terra. Além disso, o país é pintado com uma paisagem de praias, florestas tropicais, fauna exótica, vulcões ativos e cachoeiras. É um verdadeiro parque de diversões para quem gosta de estar em contato com a mãe natureza. Sem dúvidas, se você está planejando sua viagem para a Costa Rica deve estar cheio perguntas.

É um país pequeno, mas com muitas particularidades. Todos os anos, perto de 3 milhões de turistas visitam a Costa Rica, o que equivale ao tamanho de toda a população do país. Diante disso, nós decidimos criar uma lista com informações e dicas de tudo o que você precisa saber para planejar sua viagem para a Costa Rica.

1. Documentos para entrar na Costa Rica

Brasileiros não precisam de visto para entrar na Costa Rica em estadias de até 90 dias. No entanto, seu passaporte deve ter validade maior que 30 dias contando a partir da sua entrada no país. Ademais, a Costa Rica também exige de cidadãos brasileiros o Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia (CIVP). Este documento atesta que você foi vacinado contra febre amarela e está protegido da doença (leia aqui orientações de como tomar a vacina e obter o certificado).

Não deixe também de fazer um seguro viagem. Apesar de não ser obrigatório, tenha em mente que você está indo para um país onde é comum a prática de esportes radicais e que acidentes podem acontecer.

Viagem para a Costa Rica. Vulcão Arenal
Vulcão Arenal. Parque Nacional Arenal

2. Como chegar a Costa Rica

No seu planejamento de viagem para a Costa Rica, além dos documentos, você também deve estar buscando como chegar ao país. Infelizmente, não há voos diretos saindo do Brasil para a Costa Rica. Em todo caso, os trajetos operados para a capital do país, San José, fazem conexões em outras cidades da América do Sul. Voos da COPA Airlines tem conexão na Cidade do Panamá. Já nos voos operados pela Avianca ou Latam a conexão é feita em Lima, no Peru, ou em Bogotá, na Colômbia. É possível que você encontre promoções pela American Airlines, mas tenha em mente que a conexão será em Miami, sendo necessária a apresentação de visto estadunidense.

3. Qual a melhor época para ir a Costa Rica

A melhor época para realizar sua viagem para a Costa Rica é de final de novembro a abril. Isto é, se você está procurando por um ótimo clima, de dias ensolarados. Porém, se você busca um pouco mais de paz e ficar longe das hordas de turistas, foque sua viagem no mês de janeiro. As chuvas terminam em dezembro, mas as florestas permanecem exuberantes no mês seguinte.

Ainda, é também um dos melhores momentos para contemplar a vida selvagem. Quando espécies tropicais, como macacos e preguiças, se juntam a pássaros migrantes do Norte. Nos mares, baleias jubarte dão à luz nas águas mornas e tartarugas marinhas se aninham em terra.
Você também deve considerar ir na época das chuvas, de julho a agosto, principalmente se você tem mais tempo de viagem. Isto porque é também uma época de baixa temporada. Consequentemente, os preços estão mais baixos e as multidões também não chegaram ao país.

Viagem para a Costa Rica
Cachoeira La Fortuna

4. Qual moeda levar na sua viagem para a Costa Rica?

A moeda oficial da Costa Rica é o colón costa-riquenho (1USD =604 cólons). Contudo, você verá que dificilmente achará essa moeda no Brasil. Caso encontre, pode ter certeza que a conversão não será nada atraente. Por conta disso, indicamos que você leve dólares americanos. A moeda é amplamente aceita nos estabelecimentos e você poderá trocar por colóns nas casas de câmbio.

Tenha em mente que ao pagar com dólares, o troco será dado em colóns costa-riquenhos. Recomendamos também que você leve seu cartão de crédito internacional ou cartão pré-pago.

5. Quanto dinheiro levar na sua viagem para a Costa Rica?

Ao pesquisar o quanto de dinheiro você vai precisar para levar para o país, você vai se deparar com vários blogs dizendo que a Costa Rica é o país mais caro da América Central. Você não pode esperar por exemplo que a Costa Rica seja um destino de compras. De certo é um país mais caro, mas isso não quer dizer que você não possa fazer uma viagem econômica. Tudo vai depender do nível de conforto que você está buscando.

Por exemplo, você encontrará valores de acomodação para todos os bolsos. Resorts ficam na faixa de USD60 a USD200 a diária. Guest houses e pousadas, de USD25 a USD40 dólares por dia. Ainda, há hostels e campings a partir de USD10 a diária. Veja a seguir outras perspectivas de valores para você planejar sua viagem para a Costa Rica.

Restaurantes: em restaurantes comuns, os pratos variam entre 12 a 15 dólares por pessoa. No entanto, há também os restaurantes locais chamados de Sodas, que são como pequenas pensões. Os pratos nesses estabelecimentos custam entre USD5 a USD8.

Passeios: tours são a parte que mais pesa no bolso do turista quando o assunto é Costa Rica. Tudo vai depender do tour que você pretende fazer, porém, o custo médio dos passeios gira em torno de USD50 a USD100 dólares por pessoa. Se você pretende fazer algo por conta própria, a entrada nos parques nacionais custa de USD10 a USD18.

Bebidas: a cerveja local long-neck custa cerca de USD2,50. Cervejas importadas podem custar USD3,50. Refrigerantes estão na faixa de USD1,50 a USD2, e a garrafa de água custa em média USD1,80.

Transporte público: o transporte público é relativamente barato. A passagem custa USD0,70 o trecho.

Viagem para a Costa Rica
Trilas do Parque Nacional Monteverde

6. Aluguel de carro na Costa Rica

Alugar um carro pode ser uma ótima alternativa para economizar com os passeios e ter mais liberdade. Ao alugar um carro na Costa Rica, você não ficará restrito à programação de ninguém além da sua. Para dirigir na Costa Rica como turista você precisará apenas do seu passaporte original e da sua carteira de habilitação válida. Não há necessidade do certificado internacional para dirigir.

Além disso, a idade mínima para alugar um carro na Costa Rica pode variar de acordo com a locadora de veículos. Por exemplo, na Adobe Rent a Car, a idade mínima é de 23 anos. Já na Alamo Costa Rica é 21 e na Hertz, 25. Por isso, fique de olho nas regras da locadora antes de efetivar o aluguel.

Numa pesquisa rápida pela Rental Cars, o aluguel de um carro econômico por 1 semana, em abril, está custando cerca de USD30 a diária. Já um carro modelo SUV 4×4 sai por aproximadamente USD40 a diária. Considere também o valor do combustível que está em média 700 colóns (USD1,15) por litro.

7. O que fazer na Costa Rica?

Os pontos turísticos da Costa Rica são na maioria das vezes atrações naturais. O país como um todo já é um ponto turístico por conta de sua biodiversidade e paisagens lindíssimas. A seguir, preparamos um roteiro de 7 dias no país, passando pelas melhores praias da Costa Rica e parques nacionais.

viagem para a costa rica tirolesa Planeje sua viagem para a Costa Rica: tudo o que você precisa saber
Tirolesa em Monteverde (Foto: Unsplash)

Roteiro de 7 dias pela Costa Rica

Fizemos um roteiro considerando o aluguel de um carro, pois é o meio de transporte mais escolhido numa viagem para a Costa Rica. Tenha em mente que estipulamos 7 dias pois este é um tempo ideal para ver o principal da Costa Rica sem correria.

DIA 1

Os voos internacionais chegam no Aeroporto Internacional Juan Santamaría, em San Jose, capital do país, no final da tarde ou no começo da noite. Nossa dica é que, se você não estiver muito cansado da viagem, siga viagem para La Fortuna, cerca de 3 horas de distância da capital costa-riquenha. Mas, caso você decida pernoitar em San Jose, o ideal é acordar bem cedo e seguir para La Fortuna.

DIA 2

Acorde cedo e siga para uma caminhada no Parque Nacional Arenal. É neste parque que você encontrará o vulcão mais ativo da Costa Rica, o Vulcão Arenal, além de uma fauna exótica. Lembre-se de chegar cedo para evitar o calor, multidões e as nuvens do fim da tarde que irão atrapalhar a bela visão do Arenal. Depois de ter apreciado o Vulcão, uma boa ideia é fazer uma parada almoçar. Após, dirija cerca de 10 minutos para fora da cidade em direção a bela Cachoeira La Fortuna. Ela é facilmente acessível através de uma plataforma de escadas.

DIA 3

Cerca de 90 minutos de La Fortuna fica Monteverde. Muitos escolhem passear no destino como bate volta, mas a viagem é cansativa e você pode preferir ficar por lá. A região é repleta de trilhas bem planejadas, que contrastam com a paisagem enevoada e úmida.

DIA 4

Planeje ficar mais um dia em Monteverde se você quer praticar atividades como tirolesa e fazer mais trilhas.

DIA 5

No quinto dia, planeje-se para experimentar o melhor do estilo Pura Vida da Costa Rica. Para isso, acorde cedo e prepare-se para mais 3 horas de estrada em direção as praias de Manuel Antonio. Aproveite a viagem sem pressa, pois você irá passar por belas cidades costeiras como Tárcoles, Herradura e Jacó.

DIA 6

Planeje passar o dia no Parque Nacional Manuel Antonio, principalmente relaxar nas praias que dão nome ao parque. Se tiver tempo, também aproveite as trilhas para apreciar animais exóticos. No final do dia é hora de se dirigir a Alajuela, cidade a cerca de 1h de San Jose.

DIA 7

É hora de dizer adeus a Costa Rica, mas antes, que tal visitar mais um vulcão? De Alajuela você estará perto do Vulcão Poas, sendo uma ótima forma de fechar a viagem com chave de ouro. Se o seu voo é mais cedo, o mais indicado é seguir direto para San Jose no dia interior e aproveitar um pouco da capital.

Viagem para a Costa Rica
Vulcão Poas

Tem mais dias pelo país?

Se você tem mais dias pelo mais pode tentar diferentes rotas ou até mesmo todas elas. Para os amantes das praias, o ideal é seguir explorando a Costa Ballena, que trazem todo azul das praias caribenhas. Outra rota é seguir para o Parque Nacional Tortuguero, com mais atividades para aproveitar a vida selvagem. Você pode incluir também o Parque Nacional Tenerio, onde fica localizado o belo Rio Celeste.

Dicas para sua viagem para a Costa Rica

• Mesmo na estação seca (entre dezembro e abril), você deve estar preparado para chuvas frequentes. Não importa o quão claro esteja o céu, certifique-se de levar roupas impermeáveis e sacos secos para objetos de valor, afinal, você estará em uma floresta tropical.

• Nas cidades mais turisticas é seguro beber a água da torneira. Os hotéis indicarão se a água é potável e os guias turísticos também devem te deixar informado sobre quais torneiras usar.

• Um vilão conhecido é bem comum na Costa Rica. Estamos falando da Dengue. Sendo assim, você já sabe, repelente na bagagem.

• Caixas eletrônicos não estão disponíveis em todas as cidades. Portanto, se está planejando ir para uma cidade mais afastada e menos turistíca, aconselhamos que você saque o valor que vc irá precisar.

• Se você tem tempo de férias, tente incluir outros países da América Central, como Nicarágua e Panamá.

Eu aposto que depois deste post, se você não estava planejando viajar para a Costa Rica, já deve estar olhando passagens para o país. Já visitou o destino? Está programando sua viagem para a Costa Rica? Conta pra gente nos comentários.

SEM COMENTÁRIOS

PARTICIPE! DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Por favor informe seu nome aqui