Deserto do Atacama: Laguna Cejar e Tebinquinche

deserto-atacama-salar-tebinquinche
O sal nas margens de Tebinquinche

Nosso passeio para a Laguna Cejar, Ojos del Salar e Tebinquinche saiu do centro de San Pedro do Atacama, em uma van, às 16h. O caminho é fantástico! A paisagem vai mudando da vegetação esparsa e rasteira, típica do Deserto do Atacama, para um chão lotado de sal.

A todo momento você se surpreende quando encontra lagoas lindíssimas no meio de um vazio que, de longe, não parece ter nada.

 

Tour Laguna Cejar
Tour Laguna Cejar

Nossa primeira parada foi na Laguna Cejar. Ela fica a 20 km de San Pedro e a 2.450m de altura, no meio do Salar de Atacama. A concentração de sal e lítio é tão grande que o nível de flutuação da Lagoa Cejar é superior ao do Mar Morto. Ou seja, boiar aqui é o maior barato! Não precisa ser expert no assunto nem saber nadar bem. Você boia sem esforço nenhum porque a água salgada facilita a flutuação – o que é muito divertido!

 

deserto-atacama-laguna-cejar-excursão
Boiando na Laguna Cejar

O nível da água é tranquilo também – vai aumentando conforme você vai entrando mais para o fundo, como em uma praia – mas a maior parte dá pé sem problemas. Ou seja, se você não souber nadar fique tranquilo porque o lugar não é fundo e ainda tem todo o sal para boiar.

Nesse passeio não é necessário andar muito, mas a dica é ir com uma roupa confortável e levar roupa de banho e toalha. Nas paradas não tem nenhum lugar para se trocar e nenhum tipo de estrutura a não ser aquilo que você ou a agência levar.

Outra dica é que, como existem muitos cristais de sal no chão, você deve estar calçado para não se machucar. Além disso, como vai se molhar nas paradas, a melhor opção é levar uma sandália ao invés de tênis.

 

deserto-atacama-laguna-cejar-praia
Laguna Cejar
deserto-atacama-laguna-cejar-flutuação
Atacama – Laguna Cejar

Quando saímos da água tivemos um problema. O nosso guia Júlio, o pior guia de todos os passeios que fizemos, não levou água para o pessoal do grupo tirar o sal do corpo. Ele foi o único guia, entre todas as excursões da Laguna Cejar que estavam ali naquele dia, que não levou água doce para o pessoal se limpar. Um ponto a menos para o guia e para a agência Lickan Antay.

Além disso, diferente dos outros guias, o nosso não foi nada simpático e passou pouquíssimas informações sobre a Laguna Cejar, Ojos del Salar e Tebinquinche. Muitas pessoas do nosso grupo reclamaram.

Para evitar o perrengue da água na laguna, na hora que tiver pesquisando os passeios, veja se a agência leva água para esse tour.  É fundamental porque você mergulha em uma lagoa lotada de sal (muito mais salgada do que o mar) e vai querer muito jogar água doce para tirar o excesso de sal do corpo.

[optinform]

Por sorte havíamos levado garrafas de água para beber e usamos um pouco para tirar o excesso de sal do rosto e das mãos.

Continuando o tour a próxima parada foi no Ojos del Salar, dois poços naturais no meio do Deserto do Atacama, de água límpida, bem fundos, onde os mais corajosos saltam para nadar.

O nome “ojos” significa “olhos” devido ao formato oval do poço. Aqui a parada foi um pouco mais rápida e seguimos o trajeto até a última atração do tour, a Laguna Tebinquinche.

 

deserto-atacama-cejar-ojos-salar
Atacama – Ojos del Salar
deserto-atacama-laguna-cejar-ojos-salar
Atacama – Ojos del Salar

A Laguna Tebinquinche é fantástica. O passeio passa na lagoa para os viajantes curtirem o pôr do sol. E que pôr do sol maravilhoso!

O sal forma o que seria a areia de uma praia, então fica tudo bem branquinho. A lagoa, de água bem calma, forma um espelho d’água contornado pelo vulcão e as montanhas do Deserto do Atacama.

 

deserto-atacama-laguna-tebinquinche-passeio
Laguna Tebinquinche
deserto-atacama-laguna-tebinquinche-espelho
Tebinquinche – ele (Erval) na areia de sal e eu (Carla) no espelho d’água
deserto-atacama-laguna-tebinquinche
Tebinquinche – o branco do salar
deserto-atacama-laguna-tebinquinche-sal
Chão de sal em Tebinquinche

Nessa parada está incluso no valor do tour um lanche (no nosso caso, apenas um salgadinho tipo ruffles, bolacha de maisena e suco de frutas) e o Pisco Sour, bebida típica da região entre Chile e Peru.

A qualidade desse lanche vai variar entre as agências. Por isso, na hora que você estiver pesquisando as agências para fechar os passeios, é legal perguntar o que está incluso.

Ficamos por ali até o sol ir sumindo no horizonte. Voltamos para San Pedro do Atacama e o passeio terminou com a agência nos deixando no centro da cidade.

 

deserto-atacama-laguna-tebinquinche-lanche
Lanche no passeio Laguna Cejar e Tebinquinche
deserto-atacama-laguna-tebinquinche-pisco-sour
Brindando o pôr do sol com Pisco Sour
deserto-atacama-laguna-tebinquinche-salar
Paisagem em Tebinquinche

 

Resumo do passeio à Laguna Cejar, Ojos del Salar e Laguna Tebinquinche

 

  • Agência de turismo: Lickan Antay.
  • Valor: $ 9 mil pesos por pessoa + $2 mil pesos cada para entrar na Laguna.
  • Horário: as saídas, de qualquer agência, costumam acontecer às 16h todos os dias.
  • Duração: em média 4 horas.
  • Dicas: vista roupas confortáveis, vá calçado (de preferência com uma sandália) e leve roupa de banho e toalha. Protetor solar, água, óculos de sol, boné/chapéu também são itens essenciais para ter na bolsa.

 

Vamos bater um papo com a gente? Deixe sua dúvida ou opinião nos comentários abaixo.

* Os valores e os dados apresentados no site podem sofrer alterações. Por isso, antes de viajar, confirme a atualização com as empresas responsáveis.

PARTICIPE! DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Por favor informe seu nome aqui