Top 7 Museus em Brasília que você precisa conhecer

museus-em-brasilia-museu-nacional

Brasília é a capital do Brasil e imagina o tanto de história que ela tem! A cidade já é considera um Museu a Céu Aberto porque foi toda planejada por grandes artistas brasileiros como Oscar Niemeyer. E se os Museus em Brasília já são bonitos por fora, imagina por dentro!

Os museus precisam fazer parte de qualquer itinerário de viagem. Isso porque é através deles que podemos conhecer e entender melhor a cultura e história do lugar que estamos visitando.

E para celebrar essa importância está acontecendo entre os dias 19 e 25 de junho o evento #MuseumWeek. Instituições culturais e museus do mundo inteiro são convidados para divulgarem suas atividades, cotidianos e curiosidades através da hashtag #MuseumWeek.

O ILoveTrip junto com outros blogueiros de viagem da RBBV (Rede Brasileira de Blogs de Viagem) não ficamos de fora dessa. Estamos participando de uma Blogagem Coletiva onde cada blog participante vai divulgar, todos ao mesmo tempo, posts sobre museus no mundo inteiro.

E nós escolhemos falar sobre os Museus em Brasília! A cidade tem mais de 87 museus cadastrados no IBRAM (Instituto Brasileiro de Museus). E a grande maioria deles são de graça.

Resolvemos selecionar entre os muitos museus em Brasília, aqueles que consideramos os 7 melhores e imperdíveis para você visitar na sua próxima viagem. Para aqueles que já moram em Brasília, fiquem ligados nas dicas porque é uma oportunidade para verem o que estão perdendo e correrem para aproveitar.

Dica: você pode conferir um mapa interativo de busca de museus em Brasília e de todo Brasil aqui.

Leia Também: 101 Programas Imperdíveis para curtir Brasília

O que fazer em Pirenópolis – Roteiro Completo de Final de Semana

 

Top 7 Museus em Brasília que você precisa conhecer

1 – Museu Nacional

museus-em-brasilia-museu-nacional-frente

É um dos primeiros monumentos que avistamos quando vamos em direção à esplanada dos Ministérios pelo Eixo Monumental. Seu nome completo é Museu Nacional Honestino Guimarães.

Ele integra o Conjunto Cultural da República juntamente com a Biblioteca Nacional. O projeto futuro desse conjunto cultural prevê a integração de diversos outros prédios.

A arquitetura do Museu Nacional já impressiona com um formato oval inusitado. Além disso, o museu é ma belíssima obra de Oscar Niemeyer.

museus-em-brasilia-museu-nacional-outro-angulo

Com instalações modernas, o museu não possui uma exposição permanente. Ele recebe exposições itinerantes e sempre diversificadas como mostras fotográficas, exposições interativas e de temas variados.

Aos finais de semana o espaço próximo ao Museu Nacional é frequentemente tomado para atividades culturais como shows e teatro. Os skatistas também adoram porque o espaço é muito amplo e plano.

Funcionamento: De terça a domingo e feriados das 09h00 às 18h30.

2 – Memorial JK

museus-em-brasilia-memorial-jk-predio

A estátua de Juscelino Kubitschek no alto de um pedestal de 28m parece celebrar a chegada dos visitantes. A estátua é um destaque do museu JK e fica em um dos locais mais altos de Brasília.

O Memorial JK (Memorial Juscelino Kubitschek) está localizado junto à Praça do Cruzeiro, local onde foi celebrado a primeira missa no espaço onde seria construída a futura capital do Brasil. E esse mesmo espaço foi escolhido para guardar para sempre os restos mortais de JK que foi o idealizador de Brasília.

Dica extra: fique na Praça do Cruzeiro para ver o pôr do sol. É imperdível!

A vontade de criar uma capital no Planalto Central já era antiga mas foi Juscelino Kubitschek  que tomou a decisão e apesar de todas as críticas resolveu deixar sua marca como o presidente que construiu a capital do país.

Disse JK:  “Deste Planalto Central, desta solidão que em breve se transformará em cérebro das altas decisões nacionais, lanço os olhos mais uma vez sobre o amanhã do meu país e antevejo esta alvorada, com fé inquebrantável e uma confiança sem limites no seu grande destino”. (Este texto pode ser visto no Museu da Cidade na praça dos Três Poderes).

Esse é único Museu/Memorial que você pagará em Brasília já que é administrado por uma organização sem fins lucrativos da família Kubitschek. Mas garanto que vale a pena, além de ser muito barato (R$ 4 reais a inteira e R$ 2 reais a meia).

Antes mesmo da entrada, pausas para fotos nos dois lados do Memorial JK. Na parte de trás, você poderá tirar as icônicas fotos da estátua do casal Kubitschek sentados “namorando” em tamanho natural com o pedestal de JK ao fundo. Em volta, um lindo gramado e espelhos d’águas. É um lugar muito bonito para visitar em Brasília.

museus-em-brasilia-memorial-jk-estatuas

Já próximo da entrada e estacionamento, atrás de um vidro, está o Ford Galaxie LTD de 1974 que foi o último carro de JK. O automóvel está em ótimo estado de conservação.

O Memorial JK está dividido em dois andares com ótima acessibilidade. Lá você encontrará objetos pessoais como roupas de gala, faixa presidencial além de fotos de época. Uma das partes mais importantes do museu é a sala mortuária onde se encontra os restos mortais do ex-presidente. É uma sala escura com iluminação escolhida para dar um ar mais místico e envolver os visitantes.

Funcionamento: De terça a domingo das 09h00 às 17h45

3 – Memorial dos Povos Indígenas

museus-em-brasilia-memorial-povos-indigenas

Basta atravessar a rua após sua visita ao Memorial JK para chegar ao museu Memorial dos povos indígenas.

Para celebrar a diversidade e riqueza da cultura indígena, Oscar Niemeyer projetou o local em forma de espiral que se assemelha à uma maloca redonda dos índios Yanomami.

Após a subida de uma rampa, a estátua de um índio está guardando o local e vigiando os visitantes que entram no recinto.

No acervo é possível encontrar objetos de diversas etnias indígenas do Brasil como os Urubu-Kaapor com uma arte plumária, os Yawalapiti através de bancos de madeira e índios do Alto Xingu e Amazonas com máscaras e instrumentos musicais.

No Memorial dos Povos Indígenas também são organizados eventos com participação de representantes de diversos povos do país.

museus-em-brasilia-memorial-povos-indigenas-estatua

Para dar ainda mais identidade ao memorial, o branco da edificação foi complementado com desenhos geométricos indígenas.

Funcionamento: De terça a sexta das 09h00 às 17h00. Sábado, domingos e feriados das 10h00 às 17h00.

4 – Museu Banco do Brasil

museus-em-brasilia-museu-banco-do-brasil

O Museu do Banco do Brasil é o mais novo museu em Brasília. Com instalações modernas, o museu apresenta marcos importantes da economia Brasileira e do Banco do Brasil.

O acervo ainda possui diversas obras de artistas importantes como Di Cavalcanti, Tomie Ohtake, Carlos Scliar, Athos Bulcão e Burle Marx. Anexo ao museu também existe um café que pode servir para uma paradinha estratégica.

Um grande atrativo do Museu Banco do Brasil é sua localização. Ele fica dentro do nacionalmente famoso CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil).

O CCB de Brasília em especial é espetacular. Ele fica próximo à ponte JK e o Lago Paranoá em uma linda área verde.

Nos finais de semanas casais, famílias e amigos aproveitam os dias ensolarados para fazer piqueniques, conversar, tocar violão e claro, curtir a programação variada do CCBB.

Possui um grande estacionamento e para quem precisa de transporte, o CCBB oferece um ônibus gratuito que parte da Rodoviária do Plano Piloto.

Confira a programação completa do CCBB aqui.

Funcionamento do Museu Banco do Brasil: De terça à domingo das 09h00 às 19h00.
Funcionamento do CCBB: De terça à domingo das 09h00 às 21h00.

5 – Museu de Valores

museus-em-brasilia-museu-de-valores

Esse é um dos museus em Brasília que nos surpreendeu bastante. Não esperávamos muita coisa, mas quando visitamos gostamos muito da disposição do acervo e a forma como é contado a história econômica do país.

O acervo é composto por medalhas, cédulas e moedas do Brasil e do Mundo. A exposição é inserida em um contexto histórico para ambientar o visitante.

Além da exposição permanente, muitas vezes há outras exposições temporárias que complementam o acervo do Museu.

Funcionamento: De terça à sexta das 10h00 às 18h00. Também é aberto no primeiro sábado de cada mês das 14h00 às 18h00.

 

6 – Museu dos Correios

museus-em-brasilia-museu-dos-correios

Uma das relíquias do Museu dos Correios em Brasília é a primeira carta escrita por Pero Vaz de Caminha. Também possui uma riquíssima coleção de selos muito admirada por colecionadores.

O prédio do Museu dos Correios dispões de 5 andares para exposições. No andar principal funciona uma exposição permanente sobre “Os sinais e as coisas: das fogueiras à internet” que conta a evolução das telecomunicações, em especial no Brasil.

Estão expostos diversos objetos e aparelhos usados como meios de telecomunicação como, por exemplo, telégrafos de vários tipos.

Um dos pontos altos da exposição é o “Ford de Bigodes” como era chamado o automóvel usado em 1927 pelo Marechal Rondon na sua missão para levar a demarcação de fronteiras e telecomunicações no extremo-oeste do Brasil.

Também é possível admirar outras exposições temporárias sendo uma boa opção de Museu em Brasília. Confira a programação antes da sua visita aqui.

RECEBA DICAS DE VIAGEM
Faça como 3127 Viajantes Inteligentes e assine nossa lista VIP.É de graça!

Funcionamento: De terça à sexta das 10h00 às 19h00. Sábado, domingos e feriados das 14h00 às 18h00.

7 – Museu do Catetinho

museus-em-brasilia-catetinho

Este Museu em Brasília foi criado para outra finalidade. Antes da vinda da capital do Brasil para Brasília, a residência oficial do Presidente da República era o Palácio do Catete localizado no Rio de Janeiro.

No início da construção de Brasília na década de 50, JK queria supervisionar as obras e precisava de um local para permanecer enquanto estivesse no Planalto Central.

Foi então que decidiu-se criar o Catetinho, a primeira residência oficial de JK em Brasília em1956.

Hoje, além da própria residência, é possível encontrar objetos e móveis da época da mesma maneira que estavam na época. É uma bela maneira de voltar ao passado e descobrir curiosidades da vida cotidiana, ainda mais de um Presidente da República.

O prédio é todo em madeira e por isso até teve uma apelido de “Palácio das Tábuas”. Foi construído rapidamente em apenas 10 dias e teve seu funcionamento até 1958 quando finalmente foi finalizado o Palácio da Alvorada.

Uma curiosidade é que o Catetinho foi o primeiro projeto de Oscar Niemeyer para Brasília e a sua única construção projetada em madeira .

Funcionamento: De terça à domingo das 09h00 às 17h00.

Monumentos de Brasília (Bônus)

colagem-monumentos-de-brasilia
Fonte: Hora de Comunicar

Dizem que Brasília em si é um Museu a céu aberto. Não poderiam estar mais certos.

A maior cidade planejada do século XX possui diversos monumentos que são considerados obras de arte e exemplo de arquitetura para o mundo todo.

Tanto é que mesmo sendo uma cidade tão jovem, se tornou Patrimônio Cultural da Humanidade pelo marco de arquitetura e urbanismo. Além disso, Brasília é a maior área tombada do mundo com 112,25 km2.

Tá vendo como vale a pena conhecer Brasília?

Você vai curtir: O que fazer em Brasília em um fim de semana

Demais Museus em Brasília

  • Espaço Lúcio Costa:Pode passar despercebido para quem visita a Praça dos Três Poderes mas é ótimo para ter um panorama geral da cidade. Isso porque lá está uma maquete gigante do Plano Piloto e seus monumentos, além de cópias dos croquis apresentados por Lúcio Costa no concurso que escolheu o melhor projeto urbanístico da futura capital. Aberto de terça à domingo das 09h às 18h na Praça dos Três Poderes.
  • Espaço Oscar Niemeyer: Brasília não poderia ficar sem um local para homenagear um dos nomes mais importantes da arquitetura mundial. Ainda em reforma, lá estarão expostos desenhos, painéis e maquetes de obras do arquiteto. Fica próximo à Praça dos Três Poderes.
  • Espaço Israel Pinheiro: Um museu interativo que foca no desenvolvimento sustentável do Brasil. Possui um auditório com 70 lugares e acervo digital onde é possível interagir com smartphone e tablets. Fica próximo da Praça dos Três Poderes.
  • Panteão da Pátria: Chama atenção quem passa pela Praça dos Três Poderes. Mais uma obra criada pelo Oscar Niemeyer simbolizando uma pomba. É uma homenagem àqueles que se destacaram pela pátria como um grande Painel da Inconfidência. Aberto de terça a domingo, das 09h00 às 18h00.
  • Museu da Cidade de Brasília: Também localizado na Praça dos Três Poderes, a entrada pode quase passar despercebida. É o museu mais antigo da cidade inaugurado junto com Brasília. Possui trabalhos sobre a história da construção de Brasília.
  • Museu da Imprensa: Dedicado à demonstrar a evolução da imprensa no Brasil e no mundo, possui um acervo gigante com 600 peças como uma máquina de impressão inglesa fabricada em 1833 e que funcionou até 1940,  além de documentos raros e exemplares de jornais históricos.
  • Arquivo Público do Distrito Federal: Utilizado muito por pesquisadores, reúne a documentação que retrata a história de Brasília. Localizado no setor de Garagens Oficiais. Funciona de segunda à sexta, das 09h às 17h.
  • Museu da Fotografia Documental: Este é um museu diferente. Por que? Simples, ele é apenas online. Não há espaço físico e fica aberto 24h por dia. A intenção é exibir, refletir e aprimorar a fotografia documental brasileira através de um acervo de 300 fotos. Você pode conferir no site.
  • Museu da Caixa Econômica: Assim como o Museu do Banco do Brasil, o Museu da Caixa está integrado ao Conjunto Cultural da Caixa onde há mostras de diversas manifestações culturais como fotografia, teatro e dança. É bom se ligar na programação.  O museu possui diversos objetos como máquinas de escrever e cofres antigos.
  • Museu Vivo da Memória Candanga: Possui um acervo com os primórdios da construção de Brasília e fica localizado onde já foi o primeiro hospital da capital. A própria construção já nos mostra um pouco dessa história.
  • Museu de Arte de Brasília (MAB): Possui centenas de obras de artes visuais modernas e contemporânea e fica próximo ao Lago Paranoá, no Setor de Hotéis e Turismo Norte. As obras de reforma têm previsão de conclusão no segundo semestre de 2018.
  • Museu Histórico do Senado Federal: Possui mobiliário histórico, estatuetas além de obras de arte. Fica na Praça dos Três Poderes, Palácio do Congresso, Anexo II, Térreo e funciona de segunda a sexta, das 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00. Aos Sábados e Domingos e feriados o funcionamento é das 09h00 às 18h00.

Museus pelo Brasil e pelo Mundo

É apaixonado por museus e quer mais dicas sobre museus no Brasil e no mundo? Confira abaixo o que diversos blogueiros da RBBV prepararam para você:

Trilhas e Cantos: Museu Casa dos Contos, em Ouro Preto, Minas Gerais
Tá indo pra onde?: Museus e experiências além do básico em Barcelona 
Mariana Viaja: National Gallery of Art, em Washington
Turistando.in: Visitando o Museu de História da Arte de Viena (Kunsthistorisches Museum)
Vamos Por Aí: Meus Museus Favoritos
Viajar correndo: Museu Light da Energia, Rio de Janeiro
Guia do Nômade Digital: Galeria sobre o Genocídio na Bósnia e Herzegovina 
Uma Viagem Diferente: 4 Museus Imperdíveis em Florença
Quase Nômade: Museu Iberê Camargo, em Porto Alegre
Gastando Sola Mundo Afora: Museo de Arte Precolombino de Cuzco
Passeios na Toscana: Florença do alto: as Torres abertas à visitação
Cantinho de Ná: Museu do Futebol em São Paulo: paixão, história e entretenimento
Destino Compartilhado: Museu Lasar Segall
Entre Polos: Museu Nacional do Hermitage – São Petersburgo – Rússia 
Do RS para o Mundo: Centro Português de Fotografia – Porto/Portugal 
Mulher Casada Viaja: Exploratorium – Museu de São Francisco, Califórnia
TurMundial : Museu do Picasso em Málaga, Barcelona e Antíbes
Farrabadares: Memorial São Nikolai em Hamburgo
Itinerário de Viagem: MET Museum em Nova Iorque
Viajar hei: Museu Imperial – Petrópolis – Rio de Janeiro
Sol de Barcelona: Museu Olímpico e do Esporte – Barcelona
Família Viagem: Children’s Museum of Houston – Texas com crianças
Viaje na Web: American Museum of Natural History – Museu de História Natural de Nova York
Aquele Lugar: Museus do Vaticano – Roma – Itália
Viagem LadoB: Ilha dos Museus – Berlim
Viajento: Museo Santuarios Andinos – Arequipa, Peru
MEL a Mil pelo Mundo:  Museo de Ciências Naturais de Madrid 
Caixa de Viagens: Museu Charlie Chaplin: o Chaplin’s World em Vevey, Suíça
Let’s Fly Away: Museu Botero, Bogotá, Colômbia
Viajo com filhos: Nemo Science Museum, em Amsterdã, Holanda
Sonhando em Viajar!: Catetinho, em Brasília, Brasil
Viajoteca: Batik na Indonésia: Museu Têxtil em Jakarta, Indonésia
Mochileza: Museu do Automóvel de Turim, Itália
Comendo Chucrute e Salsicha: Museu de Arte Latino-Americana de Buenos Aires, Argentina
1001 Dicas de Viagem: Museu Histórico de Berna, Suíça
Estrangeira: 8 Museus Imperdíveis em Barcelona, Espanha
Devaneios de Biela: Museu Nacional da Finlândia em Helsinki 
Me Deixa Ser Turista: Conheça o Museu da Revolução, em Havana
A Fragata Surprise: Museus de Florença – Guia de Sobrevivência
Direto de Paris: Os Museus de Troyes
A Vida é como Um Livro: Galeria Nacional da Noruega
Dedo no Mapa: Museu Paranaense
Ligado em Viagem: Beco do Batman é museu de grafite e arte de rua em São Paulo

Dúvidas ou dicas sobre os Museus em Brasília? Deixe seu comentário abaixo e ajude a comunidade de viajantes do ILoveTrip!

[BÔNUS] 4 Dicas para uma Viagem Inteligente

  1. Faça um Seguro Viagem: Por favor, não faça uma viagem internacional sem um Seguro de Viagem. Na Europa ele é obrigatório e nos Estados Unidos um dia de internação custa uma pequena fortuna. Já me salvou mais de uma vez!! Faça uma cotação online  com nossa parceira Mondial e ganhe descontos reservando pelo nosso link.

  2. Alugue um CARRO: A gente ama uma roadtrip. Para não pagar IOF e ainda poder parcelar, fazemos cotação online através da RentCars que busca os melhores preços entre diversas locadoras no Brasil e no mundo com total segurança.

  3. Reserve a Hospedagem: Somos praticamente sócios do Booking.com . São centenas de reservas já feitas sem nunca ter tido problemas. São milhões de opções de hospedagem no Brasil e ao redor do mundo para todos os gostos e bolsos. O melhor é que a maioria tem cancelamento grátis! Reserve Agora!

  4. Use o Celular no Exterior: Praticamente impossível ficarmos desconectados hoje em dia seja para falar com amigos e familares seja para buscar informações, usar o google maps ou o tradutor em uma viagem internacional. Quer mais comodidade do que já sair do Brasil com o seu Chip Internacional funcionando no seu celular? A Travel Mobile é nossa parceira e já usamos em diversos países.