19° dia – Cambará do Sul – Cânions

19°-dia-–-Cambará-do-Sul-–-Cânions

Hoje acordamos empolgados para conhecer o Parque Nacional da Serra Geral, onde fica o Cânion considerado por muitos o mais bonito da região sul do Brasil, o Cânion Fortaleza que chega a ter 900 metros de altura.

 

Parque da Serra Geral – Cânion Fortaleza

Dica: Não existe nenhuma infra-estrutura no Parque Nacional da Serra Geral (esqueça sanitários, lanchonete, monitores, não tem nada), portanto leve tudo que irá precisar para fazer as trilhas, inclusive um lanche, água, frutas e outros alimentos caso programe ficar por um bom tempo.

 

Cânion Fortaleza - Parque Nacional da Serra Geral - Cambará do Sul
Cânion Fortaleza – Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul

 

Prepare-se, pois a estrada para ir ao Parque da Serra Geral é bem pior do que para o Parque Aparados da Serra. O máximo que você anda com o carro é 30km/hora, com alguns trechos andando a 10 km/hora. São muitas pedras e barro pelo percurso.

 

Estrada para chegar ao Cânion Fortaleza - Cambará do Sul
Estrada para chegar ao Cânion Fortaleza – Cambará do Sul

 

Dica: existem duas trilhas principais e que podem ser feitas sem guia (porém para quem não está acostumado a fazer trilha é aconselhável, mesmo para essas duas, a contratação de guias. Se informe no Posto de Informações Turísticas da cidade). Arriscamos o bom faro e fizemos o percurso sozinhos, sem o guia.

Só soubemos que estávamos próximos do Cânion Fortaleza porque vimos alguns carros parados e a estrada terminou. Paramos o carro e saímos por uma pequena trilha à esquerda. As cidades que fazem parte dessa região formam o roteiro dos Campos de Cima da Serra e realmente a vegetação que notamos em toda região são campos imensos, com as grandes árvores araucárias.

Saindo do carro já notamos o final do campo. Dá para perceber onde ficam os Cânions. Esse mirante à esquerda fica bem próximo de onde as pessoas costumam deixar o carro. Andamos um pouco e já chegamos na boca do abismo, na ponta do imenso Cânion Fortaleza. Enooorme! Magestoso! Uma imagem que vai ser difícil de tirar da cabeça!

 

Cânion Fortaleza - Parque Nacional da Serra Geral - Cambará do Sul
Cânion Fortaleza – Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul

 

Cânion Fortaleza - Parque Nacional da Serra Geral - Cambará do Sul
Cânion Fortaleza – Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul

 

Mas o mais bacana ainda estava por vir. Esse só é um gostinho que os visitantes têm ao chegar ao lugar. Na verdade, existem 2 trilhas principais. Primeiro, a Trilha do Mirante que é feita pela maioria das pessoas e que mesmo sendo a mais fácil, são aproximadamente 1,5 km de subida para chegar ao topo de uma montanha rochosa onde temos a vista do mirante. Então tem que ter fôlego e estar com roupa e principalmente calçado adequado.

Na trilha, o vento é muito forte e a sensação térmica é de muito mais frio. O caminho todo é barrento com lodo e é impossível não se sujar um pouco. A sensação ao chegar ao mirante é como se você estivesse no céu. A visão de 360◦ de todo o Cânion Fortaleza é maravilhosa e em dias sem neblina dá para avistar parte do litoral gaúcho como a cidade de Torres.

 

Cânion Fortaleza - Parque Nacional da Serra Geral - Cambará do Sul
Cânion Fortaleza – Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul

 

Cânion Fortaleza - Parque Nacional da Serra Geral - Cambará do Sul
Cânion Fortaleza – Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul

 

Ficamos um bom tempo por ali, admirando cada pedacinho da paisagem. É difícil dizer qual lado ou qual ângulo é mais lindo. Para todo lado que você olha a imagem é espetacular!

 

Cânion Fortaleza - Parque Nacional da Serra Geral - Cambará do Sul
Cânion Fortaleza – Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul

 

Cânion Fortaleza - Parque Nacional da Serra Geral - Cambará do Sul
Cânion Fortaleza – Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul

 

Saímos de lá, mais lodo e lama para passar. Estávamos receosos de fazer a Trilha da Pedra do Segredo pois soubemos que para chegar próximo à pedra teríamos que atravessar um rio, próximo da queda da cachoeira do Tigre Preto.

Dica: para chegar na trilha da Pedra do Segredo, fique atento à uma pequena placa de madeira na estrada sentido o Cânion Fortaleza. Cuidado para não passar despercebido. Existe uma espécie de acostamento também para deixar o carro.

Já estávamos lá e nosso espírito aventureiro falou mais alto. Fomos de encontro a Pedra do Segredo. No meio do caminho conhecemos algumas pessoas que também estavam fazendo a trilha e fomos todos juntos.

 

Cânion Fortaleza - Parque Nacional da Serra Geral - Cambará do Sul
Cânion Fortaleza – Parque Nacional da Serra Geral – Cambará do Sul

 

Dica: muitas famílias vão até o lugar e levam crianças. Porém, o lugar não é adequado para crianças pequenas pois não há estrutura e a dificuldade das trilhas é alta, portanto, pense bem antes de cometer esse erro. É mais aconselhável para famílias o Cânion do Itambezinho por ter mais segurança (as bordas do Cânions são todas protegidas por corda) e existe uma melhor estrutura (com sinalização, sanitários, lanchonete, etc). Veja mais sobre o Cânion Itambezinho no post anterior.

Na trilha, logo ouvimos um barulho de água que daria na cachoeira. A travessia do rio, parte mais perigosa (cuidado, as pedras são um pouco afastadas umas das outras e muito escorregadias) fica bem no topo de onde cai a cachoeira do Tigre Preto. Por isso, na beira do precipício, dá para ver parte da queda e a fumaça de água. É muito perigoso – e emocionante!

 

Cachoeira do Tigre Preto - Cânion Fortaleza - Cambará do Sul
Cachoeira do Tigre Preto – Cânion Fortaleza – Cambará do Sul

 

Feito a travessia, mais um trecho de trilha (e mais lama e lodo) e chegamos a uma espécie de mirante da cachoeira do Tigre Preto. Enorme e linda. Quando você chega nesse mirante e visualiza o tamanho da cachoeira que acabou de atravessar – na beira da queda ! – é uma pura sensação de aventura!

Mais para frente a Pedra do Segredo. A pedra fica um pouco distante, por isso parecia que ela era menor do que o tamanho que estávamos esperando. O segredo da pedra é saber como ela consegue se equilibrar em uma base que tem 50 cm de largura, sendo que ela pesa algumas toneladas. Mais uma artimanha da natureza.

 

Pedra do Segredo - Cânion Fortaleza - Cambará do sul
Pedra do Segredo – Cânion Fortaleza – Cambará do sul

 

Voltamos pela mesma estrada crítica da ida e chegamos na cidade de Cambará do Sul já por volta das 18h.

Só deu tempo para comer um lanche na cidade, voltar para o chalé da pousada e se aquecer naquele frio danado que estava fazendo. Mais um dia perfeito.

Dúvidas? Sugestões? Opiniões? Deixe abaixo o seu comentário.

Leia os outros posts sobre nossa viagem ao sul do Brasil:

 

PARTICIPE! DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, deixe seu comentário
Por favor informe seu nome aqui