Como Viajar Barato: Compras Inteligentes

capa compras - viajar barato

Mesmo naquelas viagens que a gente faz querendo economizar em tudo, é difícil quando chegamos em um lugar e encontramos aqueles presentinhos especiais e únicos. Começa dar aquela coceira pra comprar e a gente não resiste! É difícil voltar de uma viagem sem ter comprado nada ainda mais quando o destino é famoso pelas compras.

A novidade é a seguinte: Você pode comprar, mesmo com orçamento econômico. E a gente vai te ensinar a mágica de como fazer isso.

 

Como Viajar Barato: Compras

 

1. Prepare o planejamento de Compras

 

Fazer um planejamento é importante para qualquer viagem e não é diferente para quem gosta de comprar nas férias.

Pesquise e defina antecipadamente o que compensa e o que não compensa comprar na sua viagem, principalmente para o exterior.

Em termos gerais, para os Estados Unidos por exemplo, compensa comprar eletrônicos e roupas de marca. Mas, sempre é bom olhar como está o câmbio (real x dólar) para saber se os preços estão realmente bons. Dependendo do câmbio pode ser que no final os preços de fora sejam os mesmos que você vai encontrar aqui no Brasil, por exemplo, para comprar cosméticos e acessórios.

Alguns países são famosos por seus produtos fabricados naquela região e valem a pena trazer para o Brasil. Agora outros, também são importados  e não valerá a pena gastar sua moeda na compra de produtos que você poderá comprar aqui do Brasil mesmo. E não se espante com a quantidade de mercadorias que você vai encontrar em países desenvolvidos com a etiqueta “made in China”.

Só compre o que realmente for necessário e vantajoso. Ainda mais se forem presentes para outras pessoas. A viagem é sua, não é mesmo? Em primeiro lugar agrade você! Ninguém vai sofrer por não ter ganhado aquela lembrancinha de caneca temática ou uma camiseta com o nome da cidade. As outras pessoas vão ter a vez delas de viajar ou por simples escolha de prioridades não vão viajar para comprar outras coisas.

Mas fique tranquilo! Se você é do estilo que gosta de trazer lembrancinhas para todo mundo, saiba que em qualquer canto do mundo sempre tem aquela feirinha de artesanato ou centrinho de compras que está repleto disso.  Basta pesquisar os preços antes de sair comprando tudo.

 

2. Cupons de Descontos

 

Cupons de desconto ainda são pouco difundidos no Brasil, mas eles são comuns em vários países. Supermercados, lojas de eletrônicos, restaurantes e lojas de roupas distribuem em diversos locais cupons com 10%, 20% ou mais de desconto na compra de algum produto da loja.

É uma técnica de marketing para você comprar o que você não precisa mas se você utilizou a dica 1 e planejou bem o que vale a pena comprar, nada mais vantajoso do que procurar por esses cupons e economizar ainda mais.

Os Estados Unidos é o país onde o recurso é mais utilizado, por isso, vá até os sites de lojas e outlets e imprima esses cupons antes de sair de casa (mas cuidado com a validade dos mesmos).

Ainda assim, nos outlets existem quiosques onde são vendidos ou entregues gratuitamente cupons de desconto, dependendo do local. Procure saber se eles são cumulativos e tire proveito disso.

 

3. Compre na Internet e mande entregar na hospedagem

 

A internet revolucionou a maneira como nos comunicamos, viajamos e claro, como compramos. Quase todo mundo já comprou pela internet e sabe que hoje em dia a maioria dos produtos são mais baratos do que nas lojas físicas.

No exterior a regra é a mesma. Uma grande vantagem é você acessar alguns sites internacionais como a Amazon por exemplo, escolher o produto que mais te interessa e mandar entregar para alguém ou direto no seu hotel.

Mas antes de começar encher o seu carrinho virtual, procure saber se o seu hotel aceita receber esses pedidos. Nos últimos anos essa prática se tornou tão comum que diversas hospedagens começaram a cobrar pelo recebimento de pacotes.

Qual a vantagem de entregar os pacotes no hotel? Bom, além de bons descontos que você consegue nas lojas virtuais, você ainda economiza no transporte até a loja e no mais importante em uma viagem, tempo! Suas valiosas horas viajando podem ser gastas não escolhendo produtos, mas aproveitando o destino.

 

4. Volte com o dinheiro dos impostos

 

restituição de impostos

Quase ninguém pede devolução de impostos na compra de produtos no exterior. Talvez seja por desconhecimento ou burocracia. Mas isso é uma dica para viajar barato e ótima maneira de voltar com algum dinheiro no bolso, ou melhor, no cartão de crédito.

Os países que permitem solicitar a restituição tem regras próprias, por isso pesquise antes. Mas no geral a solicitação deve ser feita nos aeroportos em quiosques próprios preenchendo formulários específicos e obrigatoriamente apresentando a nota fiscal do produto.

Também atente-se para o fato que nem todos os produtos entram nas regras. Normalmente essa regra vale apenas para aqueles produtos fabricados no país para incentivar as empresas e os empregos locais.

A restituição de impostos muitas vezes está sendo utilizada como incentivo para as pessoas viajarem mais para o país. Um exemplo é o Uruguai. Atualmente é devolvido até 18,5% do valor pago em diversas compras e serviços feitos no país.

 

5. Nunca compre em lojas de passeios

 

Em diversas partes do mundo é a mesma coisa. Você pretende fazer um passeio e surge uma empresa que oferece o serviço de dia inteiro por um preço tentador.  Só que no roteiro, você vai ter que passar por várias lojinhas turísticas ou lojas “de fábrica”, que ensinam a fabricar vidros, tapetes, roupas, etc. É o típico passeio pega turista porque a empresa faz uma parada obrigatória nesses lugares e já que você não está fazendo nada acaba comprando mais do que devia e, o pior, por um preço às vezes bem mais alto do que vai encontrar em outros lugares durante a viagem.

Isso acontece porque as empresas de turismo ganham algumas comissões para levarem os turistas para esses locais. Para compensar, com certeza as lojas vão cobrar mais caro de quem está indo lá. E o preço às vezes é bem alto, já que os turistas são um público garantido (as empresas sempre passam na mesma loja) e que muitas vezes não pesquisaram o preço em outros lugares.

Assim, quem acaba comprando nesses lugares pode ficar bem irritado após descobrir em um outro dia alguma loja que também vende o mesmo produto por um valor bem mais barato – apesar da primeira loja ter dito que eram produtos exclusivos e preços “de fábrica”.

A dica é que em 90% dos casos as lojas de passeios serão mais caras. Deixe para comprar, quando necessário, em outras lojas de preferência as da dica 6.

 

6. Procure lojas onde os locais compram

 

Não são apenas as lojas de excursões que você deve manter distância. Aquelas lojas de souvenirs, próximas às grandes atrações também são as mais caras que você vai achar.

Imagina só, essas lojas têm que pagar um aluguel e impostos super altos para estarem ali perto do ponto turístico e movimentação de pessoas. Elas terão que compensar o alto custo no preço dos produtos e quem paga advinha, é você!

Pesquise com alguém do destino um local ou região que não seja turístico e onde você pode comprar aquele produto que tanto quer.

Se a quantidade ou o valor que você queira comprar seja razoável, valerá muito a pena esse deslocamento. Ainda mais se for possível utilizar o transporte público.

 

Como viajar barato: Resumo

 

Vamos relembrar o que dissemos neste post de maneira resumida. As dicas para economizar com ComprasViajar Barato são:

  • Faça um planejamento de compras;
  • Utilize cupons de descontos;
  • Compre pela internet e entregue no destino;
  • Peça restituição de impostos;
  • Cuidado com as “lojas de fábrica” em excursões;
  • Compre como se fosse um habitante da região;
Você também pode gostar

 

Vamos bater um papo com a gente? Deixe sua dúvida ou comentário na caixa de discussão mais abaixo.

 

Gostou do post? Então assine nossa lista VIP abaixo e receba dicas e novidades do ILoveTrip.

Receba Dicas de Viagem!

Assine nossa lista lista VIP e receba 7 Segredos para Viajar Melhor (e mais barato) e todas as novidades do ILoveTrip! É de graça!

Fique Tranquilo. Odiamos SPAM!

Hospedagem Ingresso Seguro Carros Smartphone Passeios