Montevideo: Roteiro de 3 dias – 1º dia conhecendo o Centro Histórico, Mercadão, Parque Rodó, Las Ramblas e Pocitos

Montevidéu-Montevideo-2-Roteiro-de-3-dias-1º-dia-conhecendo-o-Centro-Histórico-Mercadão-Parque-Rodó-Las-Ramblas-e-Pocitos

Quantos dias ficar em Montevideo? Essa é uma pergunta frequente. Sendo uma cidade relativamente pequena, onde você consegue fazer muitas coisas a pé, o ideal é ficar dois, no máximo três dias. Resolvemos fazer um roteiro de três dias para Montevideo e acabamos deixando um dos dias para conhecer Colonia Del Sacramento. A divisão não poderia ter sido melhor!

 

Montevideo: Roteiro de 3 dias

 

Anote aí e não esqueça: a primeira coisa a fazer quando for decidir quantos dias ficar em qualquer cidade é pesquisar os dias e horários das atrações que você quer conhecer. Alguns lugares não abrem no domingo, outros só durante a semana. Alguns pontos turísticos só funcionam em determinado horário, outros precisam de reserva antecipada. Então, pesquise antes para não perder nada importante e acesse o ILoveTrip para conferir as melhores dicas para sua viagem!

Logo abaixo, você encontrará o roteiro que fizemos no primeiro dia em Montevidéu (ou Montevideo em espanhol) e nos próximos posts vamos falar sobre os outros dias que passamos na cidade, inclusive, o dia que fomos para Colonia Del Sacramento. Também preparamos para os próximos posts a dica de um roteiro de fim de semana em Montevidéu, ideal para quem quer passar poucos dias na cidade.

 

Atrações turísticas em Montevideo – 1º dia

Centro Histórico da Ciudad Vieja, Mercadão, Parque Rodó, Las Ramblas e Pocitos

Depois do café, saímos para explorar a famosa Ciudad Vieja de Montevidéu. Como o hotel que ficamos hospedados ficava na Calle Andes, travessa da Av. 18 de Julio, foi fácil fazer tudo a pé.

Passamos primeiro na casa de câmbio Bacacay, logo no início da 18 de Julio, quase na esquina da Calle Andes, para comprar alguns pesos. Voltamos ali outras vezes porque foi o lugar onde encontramos a melhor cotação: 10 pesos para cada real.

Dica: Sempre pesquise porque os preços nas casas de câmbio costumam variar.

 

 

Av. 18 de Julio e Plaza Independencia

 

Eram 9h da manhã e já percebemos uma boa movimentação na Av 18 de Julio, uma das principais avenidas de Montevideo (ou Montevidéu para os brasileiros) , com muitas lojas e muita gente. Andamos um quarteirão e já chegamos na famosa Plaza Independencia. A praça é bem cuidada, com alguns chafarizes e canteiros de flores.

No centro, uma estátua do general Artigas, responsável pelo movimento de independência do Uruguay de 1828 e abaixo dela, um museu que infelizmente estava em reforma e não pudemos visitar. Ao redor da praça, alguns prédios históricos como o imponente Palácio Salvo e do outro lado, o famoso Teatro Solis, de 1856, símbolo cultural do país.

 

Pontos Turisticos-Montevide

 

 Avenida 18 de Julho
Av. 18 de Julio

 

Teatro Solis

 

A impressão que temos ao andarmos pelas ruas do centro antigo de Montevideo é a de uma cidade um pouquinho parada no tempo, sem muita infraestrutura, mas que, aliada a simpatia do povo, garante um certo charme à cidade.

Atravessando para o outro lado da praça, fica a Puerta de La Ciudadela, marco histórico da Ciudad Vieja que antes era cercada por uma grande muralha. Atravessamos por baixo da porta e já demos de cara com a Calle Sarandi, cheia de lojinhas, casas de câmbio e lanchonetes.

 

Plaza Independência e Puerta de La Ciudadela

 

Puerta de La Ciudadela

 

Teatro Solis

 

Plaza de La Constitución e Calle Sarandi

 

Descendo a Sarandi chegamos a Plaza de La Constitución ou Plaza Matriz, onde está a Catedral Metropolitana de Montevidéu e também onde acontece uma feirinha de antiguidades aos sábados. São várias barraquinhas vendendo as mais variadas bugigangas: vitrolas, louças, bonecas, lustres, placas de carro, moedas, livros, entre outros objetos antigos. Para quem gosta de decoração estilo retrô esta feirinha é um prato cheio.

 

Calle Sarandi

 

Calle Sarandi

 

Feirinha da Plaza de La Constitución

 

Placas de carro – Feira de antiguidades da Plaza de La Constitución

 

Chafariz – Plaza de La Constitución/Plaza Matriz

 

Feirinha de antiguidades da Plaza de La Constitución

 

Catedral Metropolitana de Montevidéu

 

Logo mais, caminhamos pela rua Ituzaingó, paralela à Plaza Matriz, até chegarmos ao tradicional Café Brasilero. Porém, para nossa surpresa, ele não funciona aos fins de semana.

 

Mercado Del Puerto

 

Continuamos na Sarandi e viramos à direta na Calle Perez Castellano andando até o Mercado Del Puerto, atração mais famosa de Montevidéu. Chegamos lá por volta das 11h e a fumaça da Parilla, o churrasco Uruguaio, já estava dando sinal que o negócio era bom.

Antes de entrar no mercado, paramos na loja da Punta Ballena, marca tradicional de Alfajores do Uruguai, para tomar um café. Como era inverno, pedimos um café Irlandês – expresso com whisky – para esquentar a manhã fria. Na loja, existem diversos tipos de alfajores em exposição nas prateleiras que são vendidos em caixas ou em unidades.

Dica: Não deixe de experimentar o alfajor de chocolate tradicional e o de coco com recheio de doce de leite.

 

Cafeteria e loja Punta Ballena

 

Alfajor – Punta Ballena

 

Alfajor de Coco e doce de leite – Punta Ballena

 

Alfajor de coco com doce de leite Punta Ballena – tentação!

 

Demos a volta no Mercado Del Puerto e encontramos de frente para o porto um Posto de Informações Turísticas, onde pegamos mapa e dicas sobre as linhas de ônibus.

Entramos por uma das portas do mercado e adoramos o lugar. Ele não é muito grande, mas o visual é bem legal. São poucos comércios, a maioria restaurantes, onde o prato principal é a carne! São diversos cortes de carne feitos de um só jeito: na grelha, de frente para o balcão onde ficam alguns bancos disputadíssimos pelos clientes. Andando por lá, experimentamos de cortesia o Medio y Medio, bebida metade vinho, metade espumante, tradicional na região.

 

Entrada do Mercado Del Puerto

 

O restaurante mais turístico do Mercado Del Puerto é o El Palanque, mas preferimos conferir o almoço do Chacra Del Puerto, outro ótimo restaurante. Optamos por não ficar na fumaça do balcão e sentamos em uma mesa no “terraço” (uma escada dá acesso à parte de cima e são pouquíssimos restaurantes que tem essa opção). Lá de cima pudemos conferir toda a movimentação e admirar o relógio antigo que fica no centro do mercado.

O atendimento no Chacra Del Puerto foi fantástico. Pedimos uma garrafa de Medio y Médio e, para entrada, uma porção (deliciosa!) de provolone assado. Optamos por um corte de carne apenas, abrindo mão da gigantesca Parilla (vários cortes de carnes). A carne estava muito macia e deliciosa. Recomendamos.

 

Mercado Del Puerto

 

A Parilla Uruguaia – Mercado Del Puerto

 

Balcão – local disputadíssimo no Mercado del Puerto

 

Muita carne – Mercado Del Puerto

 

Vista do terraço do restaurante Chacra Del Puerto

 

Medio y Medio – Delicioso!

 

Provolone assado – Restaurante Chacra Del Puerto

 

Churrasco – restaurante Chacra Del Puerto

 

Passamos em frente a Empanadas Carolina, uma lanchonete pequenininha que vende vários tipos de empanadas e sempre está lotada de gente. Como já estávamos fartos do almoço não provamos, mas várias pessoas já recomendaram.

RECEBA DICAS DE VIAGEM
Faça como 16367 Viajantes Inteligentes e assine nossa lista VIP.É de graça!

 

Empanadas Carolina

 

Saindo de lá, andamos até a Calle Cerrito para pegar o ônibus 116 – Pocitos em direção ao Parque Rodó.

Dica: Os ônibus passam pelas principais vias e pelo letreiro você consegue se guiar. Os nomes das linhas são respectivamente os pontos finais dos ônibus. Portanto, se você quer ir para Pocitos basta pegar um ônibus com letreiro Pocitos ou que indique algum lugar próximo. Geralmente as linhas que passam na rua são indicadas nos pontos/paradas de ônibus.

 

Parque Rodó

 

Pedimos para o cobrador nos avisar quando chegássemos ao Parque Rodó e descemos então na rua Gonzalo Ramirez, de frente para o parque. Andamos um pouco por lá, sentamos na grama e curtimos por um tempo o visual do lago com pedalinhos.

 

Parque Rodó – Montevidéu

 

Parque Rodó – Montevidéu

 

Ramblas e o Rio de La Plata

 

Atravessamos o parque e chegamos na Rambla Presidente Wilson, na Playa Ramirez. Daí nós entendemos porque as Ramblas são tão famosas e porque dizem que em Montevideo existe mar. As Ramblas são avenidas que margeiam o Rio de La Plata. Elas são contornadas por um calçadão bem largo, cheio de famílias andando e pessoas praticando esporte.  É um lugar de lazer para os uruguaios. Além disso, o visual é lindo.

O Rio de La Plata é tão grande que parece realmente ser um mar, com direito até a alguns pontos com faixa de areia e pequenas ondas formadas pelo vento.

 

 

Rambla Presidente Wilson – Playa Ramirez

 

Playa Ramirez

 

Rambla Presidente Wilson e Playa Ramirez

 

Andamos até o tradicional Parque de Diversiones, que tem um visual bem legal. São poucos, mas clássicos brinquedos que fazem a diversão de muitas pessoas. Resolvemos brincar de ser criança como muitos por ali e fomos conferir as atrações.

 

Parque de Diversiones – Montevideo

 

Parque de Diversiones – Montevidéu

 

No restante da tarde andamos pelo calçadão até Punta Carretas, fazendo paradas para admirar a paisagem. O que chamou a atenção é que no caminho foi difícil encontrar um lugar para comprarmos água ou qualquer alimento. Deveria haver mais opções já que o lugar é um point de muitas famílias com crianças.

 

Por do sol na região das Ramblas

 

Vista das Ramblas – Montevidéu

 

Região das Ramblas – Montevidéu

 

Punta Carretas

 

Punta Carretas – Vista da Plaza Daniel Munoz

 

Punta Carretas e Playa Pocitos

 

Depois de andar muito chegamos em Punta Carretas e passamos pela Plaza Daniel Munoz para curtir a paisagem. De lá você confere todo o visual da Playa Pocitos. Fomos então para a Calle 21 de Setembro atrás de uma dica quentíssima para experimentar as tradicionais e deliciosas medialunas que são pãezinhos parecidos com croissants, pequenininhos e macios, que podem ser doces ou salgados.

Dica: Apesar do caminho ser bonito, andar do Parque Rodó até Punta Carretas pode ser bem  cansativo. Por isso, se preferir, pegue um táxi.

O lugar se chama Medialunas Calentitas, uma espécie de cafeteria com várias comidinhas deliciosas. A entrada do lugar é bem simples, mas o pequeno salão do fundo surpreende pela decoração rústica e aconchegante. Experimentamos as famosas medialunas fabricadas no local e tanto a doce como a salgada estavam sensacionais, fresquinhas e quentinhas. Nesta mesma rua, bem próximo ao café Medialuna Calentitas, também encontramos o Bar Tranquilo, – que já tínhamos visto boas referências – e uma sorveteria Freddo.

 

Chá da tarde na Cafeteria Medialunas Calentitas

 

Cafeteria Medialunas Calentitas

 

Cafeteria Medialunas Calentitas

 

Punta Carretas

 

O que fazer à noite em Montevideo – Pocitos e Punta Carretas

 

A noite já estava caindo e andamos mais um pouco pela Rambla até a rua Miguel Barreiro em Pocitos. Punta Carretas e Pocitos são bairros badalados de Montevideo, onde se concentram muitos bares e restaurantes. O destino agora era o 62 Bar, indicado por alguns outros turistas. O local é bem agradável e estava um pouco vazio (o que, para uma noite de sábado, nos espantou um pouco).

A comida não surpreendeu muito, mas estava boa. Aproveitamos para provar o Clericot, que não estava no cardápio. A bebida, a base de espumante ou vinho branco, tem uma mistura de frutas e licores.  O sabor é muito bom e valeu a pena provar.

 

Clericot – 62 Bar

 

62 Bar

 

Pegamos novamente a linha de ônibus 116 para voltar ao centro. Um dia antes tínhamos mandado um e-mail para uma reserva no Bar Fun Fun, bar típico com apresentações de dança e músicas tradicionais uruguaias. Porém, não recebemos retorno com a confirmação da reserva e, como já passava das 22h, resolvemos não arriscar e voltamos ao hotel para descansar porque o próximo dia também seria longo.

 

Despesas para duas pessoas

  • Café e alfajores Punta Ballena: $ 279 pesos.
  • Almoço no Mercado Del Puerto: $ 930 pesos.
  • Passagem de ônibus: $ 38 pesos ($ 19 cada passagem).
  • Parque De Diversiones: $ 130 pesos (4 ingressos).
  • Garrafas de água: $ 40 pesos.
  • Café Calentitas: $ 180 pesos.
  • Bar 62: $ 1073 pesos.

*Os valores e os dados apresentados no site podem sofrer alterações. Por isso, antes de viajar, sempre confirme os valores e informações com as empresas responsáveis.

Dúvidas? Sugestões? Opiniões sobre Montevideo? Deixe abaixo o seu comentário.Aproveite também para assinar nossa Newsletter e receber novidades sobre as viagens do ILoveTrip.

 

Leia nossos outros tópicos sobre Montevideo:

[BÔNUS] 4 Dicas para uma Viagem Inteligente

  1. Faça um Seguro Viagem: Por favor, não faça uma viagem internacional sem um Seguro de Viagem. Na Europa ele é obrigatório e nos Estados Unidos um dia de internação custa uma pequena fortuna. Já me salvou mais de uma vez!! Faça uma cotação online  com nossa parceira Mondial e ganhe descontos reservando pelo nosso link.

  2. Alugue um CARRO: A gente ama uma roadtrip. Para não pagar IOF e ainda poder parcelar, fazemos cotação online através da RentCars que busca os melhores preços entre diversas locadoras no Brasil e no mundo com total segurança.

  3. Reserve a Hospedagem: Somos praticamente sócios do Booking.com . São centenas de reservas já feitas sem nunca ter tido problemas. São milhões de opções de hospedagem no Brasil e ao redor do mundo para todos os gostos e bolsos. O melhor é que a maioria tem cancelamento grátis! Reserve Agora!

  4. Use o Celular no Exterior: Praticamente impossível ficarmos desconectados hoje em dia seja para falar com amigos e familares seja para buscar informações, usar o google maps ou o tradutor em uma viagem internacional. Quer mais comodidade do que já sair do Brasil com o seu Chip Internacional funcionando no seu celular? A Travel Mobile é nossa parceira e já usamos em diversos países.
Carla Camila
Carla Camila é formada em Tecnologia da Informação e Marketing e uma das suas maiores paixões é viajar. " Viajar é voltar sempre com uma nova experiência na bagagem e ter a sensação de que a vida vale muito a pena. "